sábado, 16 de agosto de 2008

Quer saber?Eu já tô sorrindo.
Mesmo sendo sem querer e sem perceber.
E quer saber?Nada melhorou.O amor não voltou, o tempo não passou, a dor não se curou.
Mas eu tô sorrindo.
Eu tô sendo feliz.
Eu me pego rindo das pessoas, das piadas, das aulas, do meu cachorro e até do meu pai.
Me pego sorrindo pro mundo, pras flores, pro tempo, e até pra vida, que insiste em ser do jeito que ela é e não do jeito que eu quero.
Dá vontade de chorar, de gritar, de armar o maior barraco de vez em quando.
Eu fico revoltada, fico tensa, fico preocupada.
Mas eu fico alegre, fico triste, fico normal, fico sei lá...hehe
Talvez seja mesmo a vida que é assim.
E hoje sem querer usar palavras assim tão bonitas.
Eu queria dizer que eu sou feliz e talvez nem sabia.
É aquela coisa de dar valor ao que se tem.
Aos amigos, a família, ao cachorro sempre esperando você chegar em casa.
Eu adoro meu cachorro!^^
E adoro estar com as meninas na escola, e até estudar.hehe
Poxa gente, a vida é isso.
Não dá pra mudar, não dá pra querer que as coisas se encaixem sempre a nossa maneira.
Ás vezes, somos nós mesmos que temos que nos encaixar a vida.

(:

Texto dedicado a uma garota chamada Letícia Lopes dos Santos. ^^

13 comentários:

Janete Andrade disse...

é como diz aquele veelho ditado 'dance conforme a música', e talvez a grande sabedoria em como viver a vida esteja realmente nesse ditado - devemos adaptar-nos a vida, sermos como ela exige q sejamos... :)'


vc escreve muito bem viu mocinha? 8)


;*

G. Sontachi disse...

''Eu me pego rindo das pessoas, das piadas, das aulas, do meu cachorro e até do meu pai''
eu sou assim *-*
e tbm sou intrometida :B

amei seu blog.
*:

UM DIA SEREI EU MESMA disse...

Menina linda!!
Obrigada por brindar-nos com tão belos textos. Quando os leio, tenho vontade de ser a autora.

Rafael Velasquez disse...

a vida pode ser muitas coisas, você faz dela o que quiser. Imagine que a vida é uma lata de neston.

Tânia disse...

eu também quero um texto dedicados pra mim, ok?
tô precisando relaxar, escreva algo bem suave :D
ahahahahaha
até parece que eu mando, né?

brincadeira...

beijo

Letícia S! disse...

AH eu tbm chamo Letícia HAHA!
e sorrir é bom, bom mesmo.. um dia tudo isso passa ;)
beijo :*

mila x) disse...

AHH cara, que legal o que você escreveu.
Sim, devemos dar valor às coisas mais miúdas dessa nossa vida!
AH, e o cachorro é parte fundamental, apesar de 'irracional' ele tá contigo em todos os momentos. *-*

HAHAHAHA.

Então, como o maior poeta de barzinho diz: 'Deixa a vida me levar, vida leva eu!'

Bgs, adoreei aqui ;*

Sabrina Sancler disse...

ahhh já sofri mtooo com isso qndo era mais nova..agora sei-lá me aceitei..hausahasuh...
mas mudando d assunto..esse livro q tah com vc na foto do seu blog;...eh "a menina que roubava livros" né??
meninaaa to mtoo curiosa pra ler..mas to com medo d comprar e nao gostar...=/..já q na capa nao traz nenhuma analise prévia..mas do q ele fala..(se for ele mesmo..shauhsuah)

bjusss gata

wax_doll disse...

a vida fica mais fácil quando iluminamos ela com um sorriso!

adorei seu cantinho!

BEIJOOOO

Tata disse...

Sorrir faz bem! Ah, sou viciada em meus cachorros e eles tb me fazem sorrir.

Letícia disse...

AP....que bunitinhooo..
=]
mó gracinha..rsrs..
êÊÊ vc tá felizzzzzz \o/\O/
me deixou feliz tbm...

=)
obrigada pela dedicatória!
afinal, eu mereço!
rsrsrs..

beeeeeijo ;*

Juliana disse...

Me empresta um cado da sua leveza?
Obrigada.

Máa ;* disse...

sorrir é essencial, contagiante! procuro manter meu sorriso sempre, nunca deixar de sorrir por qualquer que seja o motivo, se manter ligada a dor, não é algo bom, e sorrir ajuda a nos livrar das dores, resolver os problemas.

e amo minha cachorra também =)
:*