sexta-feira, 20 de agosto de 2010

E o coração pede calma, mais uma vez. Tem coisas que acontecem que são estranhas a primeira vista e continuam sendo estranhas com o passar do tempo. Pessoas e suas histórias, pessoas e sentimentos. E todo mundo tem sentimentos né? Bons ou ruins...Acredito que todos nós temos os dois.
Mas e quando os sentimentos bons ficam confusos? E quando você perde a noção, a hora, o tempo e se esquece...E quer apenas se deixar levar... Porque se deixar levar talvez seja mais fácil, mais fácil do que colocar os pés no chão.
Mas e o medo? E pra onde vai o medo? Medo de não conseguir deixar o passado enterrado, de não se desligar, de não esquecer tão fácil...Ninguém esquece tão fácil.
Mas e o medo das histórias novas? De justamente o passado não te deixar viver o futuro? De justamente por medo, deixar de viver as melhores coisas da sua vida?
Medo de repetir os mesmos erros...Medo de sofrer de novo, medo de passar pelas mesmas coisas de novo.
E na sua cabeça...Quando conversas parecem tão iguais, quando pessoas parecem tão idênticas a primeira vista, quando tudo parece bagunçado demais, você quer apenas respirar...E correr, quem sabe correr...Na estrada da vida.
E quando a indiferença e o silêncio ainda doem...E quando a mágoa ainda insiste em machucar...E as dúvidas não param. Difícil entender as pessoas. Difícil decifrá-las...
Daí você simplesmente segue em frente. E começa a sorrir sem parar, e quando percebe já não está mais fingindo estar bem, você realmente está. Quando percebe seu sorriso começa a ser verdadeiro e sua vida começa a ficar tranquila. Não mais fora do eixo, de cabeça pra baixo...Mas tranquila, feliz...
E você começa a perceber, que ás vezes, por trás de coisas horríveis, que te fazem chorar muito e te machucam muito...Por trás disso, existe realmente algo bom.
Mudança...Crescimento pra você...
Você cresce...Começa a olhar o mundo de cabeça erguida e começa a acreditar realmente que não é um conto de fadas.
Começa a acreditar mais em você e desconfiar de pessoas que te fazem mal.
Começa a ter no peito, não dor...Mas uma mistura de sentimentos...E praticamente todos bons.
E de repente...Como em um passe de mágica...Passam dias e semanas e a dor se vai...Passam dias e semanas e as coisas não mudam, mas você muda. E muda pra sempre.

8 comentários:

Augusto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luísa. disse...

"Passam dias e semanas e as coisas não mudam, mas você muda."
E muda pra melhor. ♥

Ana Paula disse...

^^

ALuS disse...

Bem vinda ao mundo real!!!
O.o
gostei.

Paulo Vitor Cruz disse...

"Mas e o medo?"... o medo estará (e q continue assim...) presente o tempo todo... de outra forma a vida seria apenas uma porção de viveres medíocres a espera de uma morte qualquer...

*agradeço as palavras no meu blog..

Paulo Vitor.

Gabriela Castro disse...

Estou esperando minha dor passar e ficar bem assim como vc disse ai. Eu sei que mais cedo ou mais tarde isso vai acontecer. Tudo tem um ciclo, não é?! Lindo post!


Ahh, aproveito pra te dizer que meu blog está concorrendo para virar um livro, mas para isso preciso ter bastante votos. Pode votar lá? http://www.blogbooks.com.br/blogs/votando/YmxvZ2Jvb2tzXzkzMA==

beijos

Gabriela Castro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Miika Rocha disse...

cara priimeiira vez akii, e ameii tudo issO

o texto do diia 15 de outrubro do aanO passadO de título: mas é só o começo. é tudO meeu ameii, viim atraz de uma amiiga que me indicOu o textO,quandO me repareii tinha muiita coiisa nova até achei q o Blog acabava por alii....
Te adcionandO a liista dos meu Blog visitadOs..
BjOS'